Blog

Benefícios da adoção Scrum

Benefícios da adoção Scrum
Compartilhar:

Benefícios da adoção do processo de desenvolvimento Scrum.

Neste post vamos explorar os benefícios da adoção do processo de desenvolvimento Scrum,  eles está baseado na apresentação REPORTED BENEFITS OF AGILE de Mike Cohn disponível em www.succeedingwithagile.com.

Em sua análise para identificar os benefícios, Mike Cohn utilizou fontes como:

– Estudos da QSM Associate;
– Pesquisa on-line da VersionOne (2008), (Veja o post sobre o resultado pesquisa da VersionOne 2015);
– Pesquisa da Dr. Dobb´s Journal;
– Outros artigos e estudos para elencar os principais benefícios como o estudo de David Rico, Ph. D..

O estudo da QSM Associate, contou com uma comparação entre 26 projetos utilizando ágil e 7,5 mil projetos considerados “tradicionais” do seu banco de dados.
As pesquisas on-lines da Dr. Dobb´s Journal (DDJ) e da VersionOne contaram com 642 pessoas e mais de 3.000 participantes respectivamente e dentre os artigos e estudo utilizados para apresentação REPORTED BENEFITS OF AGILE, destacam-se a do pesquisador David Rico, Ph. D., que coletou e examinou mais de 50 estudos publicados de projetos ágeis.
Benefícios identificados com a adoção da agilidade:

1. Aumento de produtividade e redução de custo.

Apesar de não haver um consenso numa medida universal, para medição de produtividade de software, a QSMA calculou seu ganho de produtividade com a abordagem ágil, através de dados comparativos de seu banco de dados. Relacionando indicadores de custo, prazo, grau de complexidade técnica e outros fatores, a QSMA descobriu que os projetos que utilizaram abordagem ágil apresentou ser 16% mais produtivos.

Enquanto as pesquisas on-line como a Dr. Dobb’s Journal apresentou que 82% dos participantes disseram que a produtividade havia melhorado ou melhorou muito. Já a pesquisa da VersionOne trouxe como resultado, 23% respondendo que a produtividade teve uma melhora significativa e 50% disseram que a produtividade melhorou.

Os estudos de caso com equipes de desenvolvimento estudado por Rico, constatou o impacto do desenvolvimento ágil sobre a produtividade e o custo. Em relação a produtividade, temos que 14% indicou a menor melhoria relatada, 88% melhoria média e 384% maior melhoria relatada. Para o indicador de custo o estudo apresenta que 10% indicou a menor melhoria relatada, 26% melhoria média e 70% maior melhoria relatada, conforme a imagem 1.

Numeros Rico-2008

Figura 1- Tabela resultante dos estudos de caso de Rico,2008

O Aumento de produtividade também foi notada pelo Yahoo!, aonde 68% dos colaboradores reportaram que a utilização do Scrum é melhor ou muito melhor do que a abordagem anterior e a produtividade do time aumentou em 36%.

2. Maior engajamento e satisfação do time

Redução das horas extras de 19% para 7%

Como evidências do maior engajamento e satisfação do time, podemos citar o estudo sobre horas extras do time realizado por de Chris Mann e Fran. O estudo constatou que antes da adoção do ágil, os membros do time realizavam em torno de 19% de horas extras e que após a adoção esta média caiu para 7%. É evidente que a redução da necessidade de realizar hora extra é apenas com um dos fatores para contribuir com o maior engajamento e satisfação do time.

Porém podemos constatar que com a adoção do ágil, o time consegue obter um maior controle sobre o que está executando, seus resultados são colocados em produção em menos tempo e os colaboradores trabalham mais próximos e junto aos stakeholders, o possibilita resultados com maior probabilidade de satisfazer o cliente,  contribuindo com o maior engajamento e satisfação do time.

Salesforces.com que identificou através da pesquisa de satisfação dos funcionários (interna) que 86% disseram estar tendo uma ótima experiência ou melhor experiência, contra apenas 40% que se posicionaram deste modo antes da adoção do Scrum.

Outros dados que indicam o maior engajamento e satisfação do time vem da pesquisa da VersionOne, onde 44% dos pesquisado indicaram uma melhora na moral e que 30% responderam ter aumentado significativamente, representado que 74% dos pesquisados relataram melhoras.

3. Menor time-to-market

Projeto ágeis possuem 37% menos time-to-market

Relacionado ao benefício do menor time-to-market, temos a pesquisa da VersionOne que constatou entre seus participantes que 64% afirmam que o time-to-market melhorou enquanto outros 23% dizem ter melhorado significativamente.

Enquanto os estudos de Michael Mah, constatou que os projeto ágeis possuem 37% menos time-to-market com um nível significativo de confiança.

4. Maior qualidade

Redução em 70% a taxa de defeitos

A melhora da qualidade foi identificada nos estudos de caso feito por Rico, em que teve apenas 10% indicando uma melhora mínima de qualidade, porém 63% indicou que houve melhora na qualidade.

Utilizando a métrica de erros por linha de código, a empresa ePlan Services constatou, em menos de um ano da adoção do Scrum, obtiveram a redução em 70% a taxa de defeitos por mil linhas de códigos.

Em quanto os resultados da pesquisa da VersionOne referente a qualidade, apresentou que 44% disseram que a qualidade melhorou e outros 24% responderam que a qualidade melhorou significativamente. A pesquisa referente a quantidade de defeitos, o resultado é que 84% disseram que os defeitos caíram em 10% ou mais e 30% disseram que os defeitos caíram em 25% ou mais.

5. Maior satisfação dos stakeholders.

Analisando os benefícios apresentados, principalmente o menor time-to-market e a maior qualidade, evidenciam a tendência de termos uma melhor satisfação do cliente, contudo a pesquisa de Dr. Dobb’s Journal apresenta que 47% disseram que a satisfação das partes interessadas foi “um pouco maior”, outros 31% disseram que a satisfação era “muito mais elevado”, na tabela 1 apresentamos os resultados da pesquisa da VersionOne.

Dados Version One (2008)

Tabela 1- Resultados da pesquisa da VersionOne

Estes foram os principais benefícios notados com a adoção dos métodos ágeis. Por fim quero compartilhar o case da salesforce.com contada pelo Mike Cohn.

No final do ano de 2006, a empresa apresentava um faturamento anual de U$ 450 milhões e cerca de 2 mil funcionários. Neste ano, a empresa percebera a redução da frequência de lançamento de novas versões dos sistemas, passando de 4 versões anuais para apenas 1 e que a satisfação dos clientes também caia à medida que os clientes esperavam mais funcionalidades do que realmente eram entregues nas versões, com isso as versões não atendiam expectativas.

Grafico Salesforce

Gráfico 1 – Entrega de valor das Salesforce

Logo no primeiro ano da adoção do Scrum, a salesforce.com obteve 94% mais recursos nas versões de seu sistema, distribuiu 38% mais recursos por desenvolvedor e distribuiu 500% mais valor a seus clientes  em comparação ao ano anterior (Geene e fry, 2008), conforme gráfico 1. Nos dois anos seguinte quadruplicou, passando da marca de U$ 1 bilhão.

E você internauta, na sua organização utiliza métodos ágeis e consegue ver estes ou outros benefícios? Conte para nós sua experiência.

Quer saber mais sobre Métodos Ágeis ou quer implantar o Scrum em sua organização entre em contato com a Hungria Gerenciando Resultados através do e-mail contato@grupohungria.com.br

Até o próximo post.

Compartilhar:

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>